Anuncio_-_Tribuna_Zona_Leste_-_Alcoa_59_anos-portal.jpg


 

serg band

Poços é bi-campeã no prêmio Band Cidades

Depois de receber o diploma do Mérito Legislativo, entregue pela Assembleia, por indicação do deputado estadual Rodrigo Lopes (União Brasil), o prefeito Sérgio Azevedo, em companhia da esposa e dos secretários Paulo Ney (governo) e José Damião (obras) permaneceu oem Belo Horizonte, onde ontem à noite participou da entrega do prêmio Band Cidades.;

Finalista nas categorias referentes e Infraestrutura e Mobilidade, Poços de Caldas foi anunciada como a vencedora entre as cidades classificadas para a final, pelo segundo ano consecutivo. Agora a cidade irá participar, como representante de Minas, nas duas categorias, do prêmio nacional.

Preocupado com a co-gestão

O vereador Flávio Togni de Lima e Silva afirmou que uma das coisas que lhe chamou muita a atenção foi uma resposta da própria Secretaria de Saúde, a um requerimento de sua autoria, com relação ao contrato do município com a Santa Casa de Salto de Pirapora.

A secretaria, segundo Flavinho, falou em co-gestão e ele entende que isso só é possível nas esferas de entes confederados, ou seja, entre Estado, União e Município. "Não em uma prerrogativa, em um direito e falo principalmente no dever do poder público em gerir a saúde pública. Estamos falando de recursos, direitos e deveres estabelecidos na Constituição Federal e que, em hipótese alguma, não podem ser transferidos para a iniciativa privada, mesmo que seja para uma entidade filantrópica", alertou o vereador.

Outras questões

O vereador Flavinho disse ainda que começou a avaliar melhor o contrato e outras questões chamaram a atenção, tais como: obras de valores vultuosos, contratação de sistema de informática, mobiliários para as unidades de saúde. "O contrato, apesar de estar amparado em algumas leis, as próprias leis não foram seguidas. Não houve chamamento público, não houve consultas até se provarem o contrário, porque pedimos documentos que não chegaram. Eu recebi algumas respostas e com base nelas se confirmam algumas dúvidas que tivemos", explicou o vereador.

Flavinho afirmou que não houve nenhuma consulta a outras entidades e empresas que poderiam prestar o mesmo tipo de serviço. "Não é um serviço que você caracteriza como exclusividade, só uma empresa pode fazer, ela pode até ter expertise e eu não vou julgar e não quero entrar no mérito da Santa Casa de Salto de Pirapora, até porque não conheço a instituição, mas por ser uma Santa Casa a gente acredita, até se provar o contrário, na idoneidade da instituição, que está ai para atender os seus munícipes", explicou.

Flavinho alertou para o valor do contrato, de R$ 64 milhões, que é muito dinheiro. "As conversas de bastidores dão conta de um possível aditivo de R$ 30 milhões a serem incorporados neste contrato, que R$ 100 milhões. No orçamento de hoje, quase 1/4 do orçamento da Saúde em Poços de Caldas", lembrou.

Queixa crime

O vereador Diney Lenon divulgou no seu grupo de amigos de WhatsApp que foi notificado, mais uma vez, pelo corregedor da Câmara, vereador Marcelo Heitor, que acatou a denúncia do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais contra ele. "Reitero que registrei queixa crime contra a dirigente deste sindicato por calúnia, difamação e denunciação caluniosa. Na justiça que irei provar que ela está mentindo. Lamentável", afirmou Diney.

   EM OFF   

* Sobre a nota publicada ontem no blog, uma fonte ligada ao governo municipal lembra que durante a gestão do prefeito Sérgio Azevedo, dando continuidade ao projeto Centro Vivo, na Av. Francisco Salles, trecho compreendido entre a Praça Getúlio Vargas e a Prefeitura, o DME realizou o enterramento da rede elétrica. Mesmo sem fazer parte deste projeto, também na Av. Luciano Marras, principal avenida do conjunto habitacional na zona sul, o serviço foi feito e hoje a rede elétrica na avenida já é subterrânea.

* Mutas pessoas estão se manifestando decepcionadas com a decoração natalina deste ano, em especial na Rua Assis Figueiredo onde a decoração parece mais adequada para o carnaval. Não se sabe se foi um ato falho, ou uma ironia do prefeito Sérgio Azevedo , mas durante a solenidade de acionamento da iluminação natalina, ao encerrar sua fala ele saudou os presentes desejando a todos um bom CARNAVAL.

* Perguntado pelo apresentador William de Oliveira, durante entrevista no programa “Hora da Verdade”, sobre como gostaria de ser lembrado no futuro pela sua passagem no comando da Prefeitura, Sérgio citou apenas a construção do prédio que vai abrigar a nova prefeitura, até porque em termos de obras de grande porte, ele não tem nenhuma outra. Poderia pelo menos ter aberto a estrutural que ligaria a zona oeste a Rodovia do Contorno, projeto que consta do Plano Diretor e que serviria para desafogar o já congestionado trânsito na avenida João Pinheiro.

* O mais estranho nessa polêmica em torno do contrato da prefeitura de Poços com a Santa Casa de Salto de Pirapora é o silêncio no andar de cima da casa amarela, e até mesmo a falta de uma nota oficial a respeito do assunto. Se bem que quando das denúncias de irregularidades também na saúde e que resultou na criação de uma CPI na Câmara Municipal, também não ocorreu nenhuma manifestação em defesa do então secretário Carlos Mosconi. Lembrando que o chefe do executivo também assina o contrato firmado com o hospital de Salto de Pirapora.

maria no

* Embora tivesse dado sinais de que iria retirar o projeto de lei que concede o título de cidadania honorária ao secretário de saúde Thiago Mariano, a vereadora Regina Cioffi, autora do projeto, decidiu manter a proposta e o projeto foi analisado ontem pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) onde acabou sendo rejeitado por três votos contra dois favoráveis, o da autora do projeto e do seu colega Wellington Paulista, líder da bancada do prefeito na Câmara. A proposta segue agora para parecer da comissão de homenagens e a vereadora está confiante que em plenário ele será aprovado.

* É inegável que o atendimento na área de saúde do município melhorou muito após Thiago Mariano e Carlos Almeida terem assumido o comando da secretaria. Isso se deve, claro, também ao contrato firmado entre o Município e a Santa Casa de Salto de Pirapora, contrato este que o titular da pasta garante ter sido celebrado dentro da lei e das normas, como muitos outros firmados por municípios com o mesmo hospital.

* Por indicação do deputado Mauro Tramonte (Republicanos), a Assembleia Legislativa entregou o diploma de Mérito Legislativo ao Dr. Assad Aun Neto, diretor do Hospital Santa Lúcia e também para o Diretor Industrial da Ferrero para a América do Sul, Orvando Ferreira. Duas homenagens merecidas tendo em vista que o Hospital do Coração salva muitas vidas diariamente e hoje é considerado um dos principais hospitais do país em cirurgias cardíacas. Quanto a indústria Ferrero que está instalada em Poços, a empresa é responsável por muitos empregos e colabora para o desenvolvimento da cidade.

* A ex-vereadora Ciça Opipari (PT) postou ontem, em sua página no Instagram,uma foto sua segurando um cartaz com os seguintes dizeres: "Parem de nos matar. Chega de feminicídio", numa alusão a mais um crime contra a mulher, registrado ontem de madrugada, no Jardim Quisisana. "Mais uma vez imploramos pela vida das mulheres. Infelizmente mais uma mulher vítima de violência, feminicídio, crime de ódio", lamentou Ciça.