a

Zoo das Aves, de Marcos de Carvalho Dias, é a única interessada nos pontos turísticos locais

Apenas uma empresa apresentou oficialmente, ontem, proposta para gerir os pontos turísticos de Poços de Caldas. A empresa é a mesma que é responsável pelo Zoo de Aves, que funciona na zona oeste, ao lado da Danone. Uma segunda empresa compareceu na licitação, mas acabou desistindo de apresentar proposta. No próximo passo a comissão de licitação fará a análise dos documentos da empresa.

Caso esteja apta, a empresa será declarada vencedora, encerrando um processo que já dura 5 anos de tentativas da administração municipal em busca da concessão dos pontos de passeio, além do investimento de aproximadamente R$ 1,5 milhão na reforma do teleférico.

Segundo o secretário de Turismo, Ricardo Teixeira, agora é torcer para que a documentação esteja correta. De acordo com a licitação a previsão é que sejam investidos R$ 36,7 milhões pela empresa vencedora, que deverão ser feitos para substituição de equipamentos, construção e melhorias nas instalações dos pontos turísticos. Em contrapartida, a empresa vencedora poderá explorar economicamente estes pontos turísticos por 35 anos.

Sem Lei Seca

Proprietários de estabelecimentos comerciais, como bares, restaurantes e promotores de eventos, até ontem tinham dúvidas sobre a aplicação ou não da Lei Seca neste período que antecede as eleições, como já ocorreu tempos atrás.

A venda de bebidas alcoólicas nas eleições deste ano não será proibida em Minas Gerais. O impedimento da comercialização é uma medida facultativa e a decisão cabe aos estados. Em Minas Gerais o governo estadual alega que há fragilidade no amparo legal da decisão.

"Isso porque a edição de uma portaria sobre esse tema viola o princípio de legalidade e o princípio da reserva legal, uma vez que não há lei anterior que criminalize a conduta de comercializar ou consumir bebidas alcoólicas nos dias de eleições", diz, em nota, a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública.

A secretaria entende ainda que ocorre prejuízo para o comércio, sem, contudo, uma constatação de que a proibição de venda de álcool traga benefícios para a segurança. A decisão atende um pedido da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes em Minas Gerais.

Novo marco do saneamento básico

Na última sessão da Câmara a vereadora Regina Cioffi apresentou e teve aprovado requerimento com pedido de informações ao Executivo sobre a implantação do Novo Marco do Saneamento Básico no município.

"Precisamos saber exatamente o que está acontecendo. Está tudo muito obscuro para todos nós. Esta questão do saneamento básico já deveria estar clara para todos com o cronograma para implantação das medidas. O prazo terminou em agosto", alertou Regina.

Segundo ela, no processo está o caso dos resíduos sólidos, a logística reversa, da coleta seletiva, da previsão de inundações e, abastecimento de água.

"Entra tudo isso e fala-se que o Plano de Saneamento está pronto. Cadê? Não está na hora de plano, está na hora de execução. Eu espero, sinceramente, que um pedido dessa natureza, dessa importância, assinado por todos os colegas, venha realmente clarear a situação real do que está acontecendo. Nós não podemos aceitar mais meias palavras", afirmou a vereadora.

Para ela é preciso que haja clareza, de qual cronograma, como está sendo implantado, quais são as ações, quais as metas, qual o planejamento em curto, médio e longo prazos.

O pedido de informações, segundo a vereadora, está baseado em leis, em normativas e não há mais condição de o Poder Legislativo permanecer sem os esclarecimentos sobre o tema.

"Isto não é uma falta de respeito só conosco, é com a população, porque estamos aqui representando o povo. Não queremos conflito, nem confronto, queremos apenas saber o que está acontecendo", defendeu Regina.

Agenda de Bolsonaro em Poços

Os candidatos Nikolas Ferreira (PL) e Bruno Engler (PL) publicaram um vídeo nas redes sociais com atualização da agenda do presidente Jair Bolsonaro (PL) em Poços de Caldas nesta sexta-feira.

De acordo com eles, a concentração para a motociata deve começar as 8h em um espaço ao lado do Instituto Federal de Educação, na avenida Alcoa. A motociata vai sair dali e percorrer um trajeto de 12km até o estacionamento do estádio Ronaldo Junqueira, com chegada prevista para as 11h.

"Infelizmente não dá para fazer comício, porque a lei eleitoral não permite. Mas Bolsonaro vai passar lá no estádio para um alô para a galera", garantiu Engler.

Ele informou ainda que quem não puder participar da motociata, mas quer receber o presidente, poderá fazer uma bela festa para ele, na concentração que irá acontecer ao lado do estádio Ronaldão.

  CURTAS  

* A disputa entre os candidatos a deputado que apoiam Jair Bolsonaro pela reeleição promete ser grande amanhã, quando o presidente visita Poços de Caldas em mais um ato de campanha. Boa parte dos candidatos locais a deputado, tanto federal, como estadual integram a base de apoio do presidente, além dos candidatos da região que com certeza, estarão trocando muitas cotoveladas para ver quem consegue se aproximar do presidente e fazer uma selfie exclusiva.

* Muita gente ficou surpresa ao saber que o candidato ao governo de Minas, Alexandre Kalil (PSD), esteve na cidade ontem à tarde, numa visita onde a agenda, confirmada apenas por volta das 9h30 da manhã, tinha como compromisso apenas uma entrevista na rádio Onda Poços, cujos estúdios estão localizados na Rua Junqueiras.

 k.jpg

* A assessoria do candidato entrou em contato com o ex-prefeito Eloisio Lourenço, do PSB e apoiador do candidato que providenciou a condução para trazer Kalil e mais cinco assessores do aeroporto até o centro da cidade. Antes de se dirigirem para a entrevista, como estavam sem almoço (desembarcaram no aeroporto por volta das 12h30m), Kalil e seus assessores almoçaram no restaurante e cafeteria do Silvinho, na Rua Junqueiras.

* Segundo informação do ex-prefeito Eloisio ao blog, por meio de mensagens, comunicou a vinda de Kalil para o presidente do PT, Paulo Tadeu, presidente do PT, sugerindo que ele convidasse os candidatos da legenda, Cacá, Ciça, mais Diney Lennon para se encontrar com o candidato ao governo de Minas. Eloisio, junto com a assessora Jéssica, fez contato também com os demais órgãos de imprensa informando da vinda de Alexandre Kalil para entrevistas, caso fosse de interesse.

* Eloisio não disse, mas por motivos óbvios, os dirigentes do PSD local, mesmo partido do candidato Kalil, não foram comunicados da visita tendo em vista as declarações dadas pelo candidato a deputado federal, Celso Donato, de que não apoia Kalil e sim Zema para o governo do Estado e Bolsonaro, ao invés de Lula, para presidente.

* Por falar em Celso Donato, ele tem realizado um trabalho intenso tanto em Poços como na região. Os compromissos começam por volta de 5h00 e seguem até às 23h30. Segundo sua assessoria, o apoio cresce cada vez mais e muitas pessoas estão aderindo a campanha.

* Celso conta com apoio de personalidades importantes do mundo politico local e regional, entre eles, os ex-deputados Carlos Mosconi e Geraldo Thadeu, assim como do ex-prefeito Paulinho Courominas, além de ser o candidato a deputado federal lançado pelo prefeito Sérgio Azevedo, o seu principal apoiador.

* É quase certo que na motociata agendada para amanhã, na garupa da moto pilotada pelo presidente Jair Bolsonaro, estará o candidato ao Senado por Minas Gerais, Cleitinho, líder nas pesquisas de intenção de votos. Infelizmente, Marcelo Aro, candidato oficial do governador Romeu Zema está patinando nas pesquisas e um dos motivos, sem dúvida foi a indecisão e a demora do governador em anunciar qual seria o seu candidato ao Senado.

* Se olharmos pelo perfil dos dois candidatos e também a experiência política, é indiscutível que Marcelo Aro, do PP, possui uma bagagem e experiência bem maior que Cleitinho e por conta disso poderia representar melhor o Estado no Congresso Nacional. Mas em política, muitas vezes nem sempre o fato de estar mais preparado para ocupar cargo público representa votos na urna.

* Ainda sobre a polêmica em torno das ações do deputado Odair Cunha em Poços, interessante observar que, mesmo após o fim da administração petista, alguns milhões de reais de saldos de emendas foram utilizados para infraestrutura e pavimentação. Dez milhões de reais estavam em caixa para o trem turístico; entre Santa Casa e AACD quase 400 mil. O campus da UNIFAL recebeu 1,5 milhão que permitirá a construção de dois novos laboratórios e criação de três novos cursos de engenharia. A Polícia Militar local recebeu duas novas viaturas e pistolas "taser" para toda região. A ADEFIP, duzentos e cinquenta mil reais já liberados e 600 mil em tramitação. De fato, independentemente de mandatos, realizou!

* Pegou mal o vídeo feito pelo candidato a deputado federal, Rafael Cândido (Solidariedade) queimando o material de campanha do candidato ao Senado, Alexandre Silveira (PSD). Além da baixa visualização, o vídeo circulou apenas na bolha política de Poços e teve a reprovação até de membros do partido na cidade, principalmente pelo material de campanha ter sido feito com dinheiro público. Rafael Candido poderá responder judicialmente e ter contas reprovadas pela justiça eleitoral devido ao fato.

* Está agendado para o dia 17 de outubro, segundo edital publicado nesta quinta-feira, pelo diário oficial do município, o pregão eletrônico tendo como objeto a compra de veículos que serão utilizados pela Polícia Militar, Guarda Municipal e Agentes de Trânsito. A destinação dos veículos será para a fiscalização e segurança do trânsito na cidade e os recursos para a compra sairá da Secretaria de Defesa Social. 

Compartilhe!