DJI 0403 800x445
Os novos cursos da UNIFAL-MG oferecem mais possibilidades de inserção no mercado de trabalho
Em meio ao cenário de incertezas e cortes orçamentários, a UNIFAL-MG busca estratégias e oportunidades de continuar crescendo. E para ampliar as possibilidades de graduação, a Instituição implantou os cursos de Engenharia Civil, Engenharia de Produção e Gestão Ambiental e Sustentabilidade (EaD), no campus Poços de Caldas, e bacharelado em Letras – Português, em Alfenas. O ingresso nas quatro novas graduações ocorre ainda no primeiro semestre de 2023.
“Toda implantação de novo curso representa um ganho, primeiramente, para a sociedade. O ‘cliente’ de uma instituição federal é a sociedade e a implantação de um curso é mais uma forma de oferecer à comunidade novos profissionais e oferecer aos cidadãos o direito de acesso à formação que ele sonha”, destacou o professor Wellington Ferreira Lima, pró-reitor de graduação. De acordo com ele, a implantação de novos cursos representa um ganho institucional na ampliação da visibilidade da UNIFAL-MG para um novo público com interesse por determinadas formações.
O bacharelado em Letras - Português, por exemplo, atende a necessidade do mercado de trabalho por profissionais qualificados, além da formação de professores.  “A enorme migração de atividades para os ambientes digitais está exigindo uma quantidade muito significativa de profissionais ligados à área do texto, da revisão, da editoração digital, da propaganda, da assessoria legislativa e judiciária e da produção de sites de todos os tipos”, explicou o professor Celso Ferrarezi Jr., docente do Instituto de Ciências Humanas e Letras (ICHL). 
O curso vai ser oferecido em período noturno, com duração mínima de 3 anos (6 semestres). Para o primeiro semestre de 2023, serão ofertadas 40 vagas. “Se o aluno tiver interesse em ser professor de educação básica, ele pode completar sua carreira acadêmica no bacharelado com enfoque em Linguística ou em Literatura nesses três anos e, na sequência, cursar uma complementação pedagógica de 6 meses. Assim, esse aluno se habilita legalmente como professor”, reforça o professor Celso Ferrarezi.
No caso das novas engenharias e do curso de Gestão Ambiental e Sustentabilidade é a primeira ampliação de cursos no campus Poços de Caldas, desde a instalação da UNIFAL-MG na cidade, em 2009. Para a professora Renata Piacentini Rodriguez, diretora do Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT), as novas graduações ampliam as oportunidades de formação e de inserção no mercado e trazem contribuições diretas para o desenvolvimento regional e nacional.  “As áreas de atuação do Engenheiro Civil e do Engenheiro de Produção vão desde à indústria, consultoria, prestação de serviços, educação, bem como nas áreas de ciência e tecnologia. São profissões com alta demanda pelo mercado de trabalho e com isso esperamos grande atratividade de ingressantes para estes novos cursos”, destacou a diretora.
O curso de Gestão Ambiental e Sustentabilidade, é o primeiro curso de graduação do Brasil com essa denominação, com foco no mercado, e alinhado à perspectiva de ESG, do inglês  Environmental (Ambiental), Social (Social) e Governance (Governança), no ambiente corporativo. “O conceito de ESG tem se tornado sinônimo de responsabilidade socioambiental, reputação e credibilidade para as empresas. Além disso, os critérios ESG estão totalmente relacionados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Assim, por ser focado em ESG, o curso possui conteúdo de formação em Governança Ambiental, Governança Social e Governança Corporativa”, explicou Renata Piacentini. 
Os cursos de engenharia serão oferecidos na modalidade presencial em regime integral, com ingresso pelo Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia e com 20 vagas com entrada direta no curso específico. A duração é de 10 semestres. Já o curso de Gestão Ambiental e Sustentabilidade será na modalidade Educação a Distância, com duração de 8 semestres e com oferta de 100 vagas diretas. 
Estude na UNIFAL-MG
O ingresso regular nos cursos da UNIFAL-MG são pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Para se inscrever, o candidato deve ter participado do Enem. Para 2023, a UNIFAL-MG oferece vagas para 33 cursos de graduação divididos nas cidades de Alfenas, Poços de Caldas e Varginha. Por ser uma Universidade Federal, a UNIFAL-MG não cobra mensalidade dos estudantes e oferece oportunidades de obtenção de auxílio financeiro por meio da assistência estudantil, de projetos de ensino, de pesquisa e de extensão universitária, monitorias e estágios. 
A instituição também possui política de ingresso por meio de cotas para estudantes de escolas públicas, para negros, pardos e indígenas, e para pessoas com deficiência, mediante critérios estabelecidos na Lei nº 12.711/2012 e normatizado pelas Resoluções 55/2018 e 35/2022, do Conselho Universitário da UNIFAL-MG. 
Acompanhe o processo de ingresso na UNIFAL-MG pelo site: www.unifal-mg.edu.br/ingresso
Compartilhe!