exposicao recordar e viver1 

 Câmara recebe exposição “Recordar é viver – um passeio pelo túnel do tempo”

Na tarde desta terça-feira (12), aconteceu a abertura da exposição fotográfica “Recordar é viver – um passeio pelo túnel do tempo”. A mostra traz parte do acervo do saudoso jornalista e fotógrafo Gilberto Immese e conta um pouco da história de vida do homenageado, além de momentos importantes de Poços de Caldas. A iniciativa de apresentar a exposição no Legislativo é da vereadora Regina Cioffi (PP).

A abertura contou com a presença de vereadores e familiares de Gilberto Immese. Ubirajara Immese, filho do jornalista, a nora Maristela Martins Immese e a neta Ana Clara Immese prestigiaram o momento. Durante o encontro, o presidente da Casa, vereador Marcelo Heitor (PSC), destacou o trabalho desenvolvido pelo jornalista ao longo dos anos. “É com grande satisfação que recebemos essa exposição. Gilberto Immese foi uma pessoa muito querida, um cidadão, jornalista e fotógrafo que, durante sua vida, participou ativamente de momentos importantes da nossa cidade. Infelizmente, nos deixou em 2021 e, através dessa mostra, queremos reconhecer e enaltecer a sua história e o seu trabalho”, disse.

A vereadora Regina Cioffi lembrou da participação do Gilberto Immese em diversos projetos da cidade. “Essa exposição tem como objetivo preservar a memória e a história do nosso saudoso Gilberto Immese e nada melhor do que fazer isso através da fotografia. Gilberto retratou muitos eventos, muitos deles na área política, e recebemos na Câmara uma parte desse belíssimo acervo. Ativo em muitos projetos de Poços, fico imensamente feliz por poder participar desse momento. Tenho um carinho muito grande pela família Immese e espero que todos possam conhecer esse trabalho, que faz parte da história de Poços”, comentou.

exposicao recordar e viver2

A exposição foi organizada pelo filho Ubirajara, que reuniu algumas fotos já catalogadas e que fazem parte do acerto do pai. “Falar do papai é muito bom. Tivemos contatos com vários amigos, tanto no meio político, como também na própria imprensa, no tempo que trabalhou como assessor de alguns deputados e como jornalista à frente do Jornal da Segunda, juntamente com a Ângela Turda, pessoa maravilhosa que precisa ser lembrada também. Ser recebido aqui é muito importante. É uma alegria muito grande pra minha família colocar nesse espaço as imagens e o nome do meu pai, além de algumas lembranças dele. O acervo de fotos é muito grande, não conseguimos trazer tudo, mas uma pequena mostra do tempo que ele era paraquedista, algumas em família com a gente, na Maçonaria e na parte política. Estará disponível para todos aqui na Câmara por um período, convido todas as pessoas para verem as recordações”, ressaltou.

As fotos estarão no saguão de entrada da Câmara até o dia 22 de julho. As visitas podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 12h às 18h.